Quando procurar um especialista?

“Oi pessoal!

Este é o primeiro texto depois da nossa apresentação no blog, por isso achamos válido começarmos pela primeira dúvida: Quando é o momento certo de procuramos um ESPECIALISTA?

A insegurança, o desejo de não errar e proporcionar sempre o melhor para nossos filhos não é um “privilégio” dos pais de primeira viagem. Pode ser que os sentimentos e o nível de intensidade sejam diferentes entre um filho e outro, mas o fato é que cada criança é única, e basta para sabermos que os filhos serão diferentes e as dúvidas também.

Existem marcos do desenvolvimento motor, de linguagem, de fala, entre outros aspectos do crescimento, que podem ser pesquisados facilmente (dr. Google, sabe de tudo…. só que não!). Porém, estes marcos não se aplicam igualmente para todas as pessoas, existindo muitas variáveis que devem ser avaliadas concomitantemente para se constatar algum eventual “atraso”, “dificuldade” ou até mesmo uma patologia.

O Pediatra é o médico que avalia globalmente a criança e tem o dever, sempre levando em consideração as variáveis de encaminhar para determinado especialista. Mas, sabemos que muitas vezes isso não ocorre porque nem sempre esse profissional tem o chamado “olhar específico”, podendo deixar escapar algum detalhe.

Quando os pais possuem dúvidas específicas, devem SEMPRE procurar as respostas através do profissional específico. O nome especialista a ser consultado define alguém que se dedica exclusivamente ao assunto e pode com maior precisão alcançar a solução. Pensamos que quando já existe um diagnóstico fechado, este caminho se encurta. Por exemplo, para o diagnóstico de Síndrome de Down, muitos sabem que a criança precisara de uma gama de profissionais que o ajudara em seu desenvolvimento, como por exemplo, a Fisioterapia e a Fonoaudiologia, mas ainda não sabem da importância da Terapia Ocupacional em todo o acompanhamento.

Lucca
Fofinho do Lucca em atendimento pela fisioterapeuta do CETI SD (imagem cedida carinhosamente pela mamãe Fabiana Lauricella)

Portanto, o momento certo de se procurar um especialista esta no momento em que a dúvida sobre determinado aspecto específico surgir. Acho que deixei muitos de vocês com vontade de conversar com algum especialista, não é mesmo?

Pois bem, teremos muitos assuntos para juntos construir e desconstruir… até a próxima.”

Giselle Itria – formada em fonoaudiologia pela Fundação Lusíada (UNILUS), especialista em síndrome de down pelo Centro de Estudo e Pesquisas Clínicas de São Paulo (CEPEC-SP)

E você? Quer aproveitar a nossa coluna de especialistas e tirar alguma dúvida? Sugerir um tema? Deixe seu comentário aqui ou mande email para engenheiramae@gmail.com

Espero que tenham gostado do novo layout do blog!!! Ainda estamos em “manutenção”… mas já estamos na casa nova!!

Não esqueça de seguir “Engenheira que virou mãe” nas redes sociais e ficar sempre informado das novidades do blog e de curiosidades/textos bacanas que encontro por aí!!

Anúncios

Um comentário sobre “Quando procurar um especialista?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s